sexta-feira, 15 de outubro de 2021

O Tempo, Como um Vento Leve...


O tempo é como um vento leve,
que passa por nós e nos leva
e segue nos deixando marcas,
muitas das histórias perdidas,
que com os anos já esquecidas,
momento de um amor perdido,
que neste tempo foi esquecido,
mas nos trás uma maturidade,
e que só chega com a idade,
dentro desse nosso tanto viver!

by: mantoliva

sábado, 18 de setembro de 2021

Eu Aqui, Continuo a Sonhar....

 

Céu com brilho de estrela,
brisa da noite a sussurrar,
no meu pequenino sonho,
uma linda lua que ilumina,
E eu sozinho a murmurar.

E a noite se foi outra vez,
o seu beijo, eu desejando,
vagando pela madrugada,
o seu boa noite a esperar,
de triste alma amargurada.

Pela noite te esperando
volto assim a caminhar
Imaginando abraço forte
este poema em seu nome
que continuo a sussurrar.

Essa noite desaparecendo
e aqui, eu ainda pensando,
eu em meu pequeno sonho
que aqui estarei novamente,
em mais um dia sonhando.

by: mantoliva

quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Eu... Não Estou Mais Aqui........

Não estou mais aqui,
acho mesmo que parti,
não me encontro em mim
e nada mais tem sentido,
penso, tudo acabou enfim.

Dói somente em pensar,
sei que não vai cessar,
mesmo eu escrevendo,
estou é mesmo sozinho
e tudo vai se perdendo.

Deste mundo desisto,
eu assim não insisto
e de pensamento tardio,
fez de mim esse nada,
em um coração vazio.

by: mantoliva

sexta-feira, 20 de agosto de 2021

Só quero te Reencontrar, Continuo a te Amar...

Saudade do seu sorriso,
no silêncio do caminhar,
dessa vontade sem juízo
e desse seu meigo olhar,
em nosso beijo sem aviso,
que me fez me apaixonar.

Saudade de te encontrar,
no seu abraço me aquecer,
com emoção do seu chegar,
fazendo eu deixar de sofrer
e para nunca mais eu chorar,
só por novamente eu te ver.

Saudade do falar mansinho,
daquele seu brilho no olhar,
do abraço com todo carinho,
que agora só me faz sonhar,
não quero ficar aqui sozinho,
só quero mesmo é te amar.

by: mantoliva

domingo, 2 de maio de 2021

Transformando Sonhos em Poesia....

 

A poesia é como um sonho,
quando vem de dentro alma,
mas se é de um olhar, acalma
e vem o som de uma canção
e ecoa bem dentro do peito,
nas batidas de um coração.

As palavras viram uma escrita,
dando luz e sentido aos versos
e mesmo sendo eles perversos,
dão sentido a um pensamento,
como o sonhar de todo o poeta
que escreve o seu sentimento.

Com o olhar perdido no tempo
e continua assim escrevendo,
e com o sofrimento vivendo,
transforma a saudade doentia,
fechando os olhos transborda,
escrevendo sonhos em poesia.

by: mantoliva

quinta-feira, 29 de abril de 2021

Um Vazio em Meu Coração...


Uma tristeza no peito
é de um viver pensando
que de sempre tentando
deixar para trás a saudade
que ela deixou em meu leito.

Meu coração não tem sorte,
pois agora sinto ele vazio
e de lembrar da até arrepio,
já não sei mais o que faço,
eu sem ela, perdi o meu norte.

Não sei viver sem esse amor
minha vida está sem sentido,
ela não quer, sei mas eu ligo
e assim passo meus dias,
convivendo essa grande dor.

by: mantoliva

quinta-feira, 22 de abril de 2021

É a Dor Profunda em Meu Peito....

Sentado nesse meu canto
assim viajando no tempo,
e meus cabelos ao vento
sinto este triste instante,
assim perdendo o encanto.

Não acho nenhuma saída
e o meu tempo passando
com meu corpo cansando,
não tenho mais esperança,
de curar essa minha ferida.

Envelheço a cada segundo
e a dor profunda que eu sinto
está em meu peito, não minto,
esse amor que ainda me habita
e tudo acabou neste mundo.

by: mantoliva

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Cansei de Apostar Neste Nosso Mundo.......


Uma hora você se cansa
de toda essa tal hipocrisia,
não sabe mais o que fazer
e assistindo tanta heresia,
colocamos tudo a perder.

Junto isso tudo a tristeza,
Que traz então a depressão,
não entendo mais essa vida,
que nos tira toda a emoção
e deixando aberta a ferida.

Acho, nasci fora de época,
talvez de um outro mundo,
e onde se havia o respeito
e não esse tempo imundo,
por isso estou deste jeito.

Acho sim, o fim do caminho,
com todos no fundo do poço,
onde ninguém mais se entende
ou quem mesmo compreende,
cansei de apostar neste mundo.

by: mantoliva

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Noite de Outono, Trazendo a Inspiração...

Mais uma noite de outono
a chuva caindo me acalma
o vento tocando as folhas
e sinto a saudade na alma
e eu na janela só a pensar
no infinito perco meu olhar.

E penso nesses momentos,
passados que são esses dias,
vividos com imensa solidão,
e lembrar o abraço do amigo
de amores então eu nem digo,
até já deixei de lado a paixão.

Assim ao deitar vem a inspiração
e as palavras surgem na mente
e as rimas transformam versos
e em poemas vindo do coração
no papel transformam rabiscos
e enchem a poesia de emoção.

by: mantoliva

sábado, 3 de abril de 2021

Um Carinho, um Olhar, um Lençol de Cetim...

 

Na cama,
solta sobre o lençol de cetim
você deitada de bruços,
mãos cruzadas sob seu rosto,
olhos fechados
uma delícia de se ver assim...

Toda nua, crua e solta,
eu deitado a seu lado,
apenas focado em te adorar,
te ouvindo em gemidos,
como uma gata a ronronar...

As costas de minha mão
passam em seu rosto,
arrumo seu cabelo ao tocar,
pois quero ver todo o seu rosto,
apreciar a beleza,
sentir da pele o seu gosto,
passar pelo pescoço, a te provocar...

E com a ponta dos dedos,
descendo pelas costas,
devagar, bem de leve,
sentindo sua pele arrepiar,
seu corpo contrair,
alterando seu respirar...

E a mão continua a passear,
agora navega pela cintura,
me deliciando nos quadris,
agora toda a palma da mão,
fazendo todo o contorno e curvas,
pele arrepiada, retesada e lindas de olhar...

E assim minha mão volta a subir,
novamente pelo quadril,
e assim pelas costas, acariciando,
de volta ao pescoço,
depois sentindo de novo
a pele do rosto, olhar seu sorriso,
para começar tudo outra vez.

by: mantoliva

O Tempo, Como um Vento Leve...

O tempo é como um vento leve, que passa por nós e nos leva e segue nos deixando marcas, muitas das histórias perdidas, que com os anos já es...